quarta-feira, 23 de julho de 2014

Malévola ultrapassa 700 milhões em bilheteria mundial

Fenômeno mundial Malévola, estrelada por Angelina Jolie, ultrapassou a marca de US$ 700 milhões em bilheterias em todo mundo, 20 dias depois de já ter ultrapassado a marca de 600 milhões.

Desde o seu lançamento em 30 de maio, o filme arrecadou US$ 230,0 milhões nos EUA, mas fez muito mais sucesso no exterior. Puxado pela popularidade e apelo global de Jolie, o longa arrecadou US$ 471,8 milhões no mercado internacional, obtendo maior sucesso na China, no México, na Rússia, no Brasil e no Japão.

O valor corresponde até o momento à quinta maior bilheteria domestica e mundial de 2014, e também o maior sucesso comercial da carreira de Angelina Jolie.

Malévola está previsto para chegar em DVD a partir do final do mês de agosto.

sábado, 19 de julho de 2014

Set do novo filme de Angelina Jolie e Brad Pitt começa a ser construido em Malta

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
O set de gravação de "By The Sea", novo filme de Angelina Jolie e Brad Pitt que será rodado na ilha de Gozo em Malta, começou  ser construido.

As obras se iniciaram no começo do mês de julho e devem ficar prontas até o meio do mês de agosto, pois já no final de agosto possivelmente as gravações do longa devem começar.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Universal Pictures compra direitos do novo filme de Angelina Jolie e Brad Pitt

A Universal Pictures informou nesta sexta-feira que adquiriu os direitos internacionais do próximo projeto cinematográfico de Angelina Jolie, "By the Sea", que será dirigido pela atriz, que também vai atuar e co-produzir o drama ao lado do companheiro Brad Pitt.

Esse será o quarto trabalho de Jolie na direção, depois do documentário A Place In Time, e dos drama "Na Terra de Amor e Ódio" e "Invencível".

"Angelina continua a mostrar sua habilidade de contar histórias extraordinárias na frente e atrás das câmeras, e estamos entusiasmados para ampliar nosso relacionamento com ela em 'By the Sea'", disse a presidente da Universal Pictures, Donna Langley, em comunicado.

“Estou muito feliz em continuar meu relacionamento com Donna Langley [executiva da Universal] e toda a equipe. Eles criaram um lugar muito especial para contadores de histórias, e estou ansiosa pelo apoio e paixão que eles têm dado a mim como cineasta“, diz Jolie no comunicado da Universal.

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Angelina Jolie x Brad Pitt: As celebridades mais e menos admiradas pelos gays

Uma pesquisa realizada pelo especialista Jeetendr Sehdev para a Variety com pessoas entre 18-54 anos apontou as celebridades mais admiradas e as menos admiradas pelos gays.

A apresentadora Ellen DeGeneres foi escolhida como a favorita entre o publico homossexual por conta do seu trabalho em favor da comunidade GLS, e também pelo fato de Ellen ser lésbica assumida, além de inteligente e madura.

A pesquisa realizada com aproximadamente 3.000 pessoas, indica que nem todos os escolhidos precisam serem um defensor da causa para ganhar o respeito dos consumidores gays. Entre os mais admirados estão (seguindo a ordem de classificação) Angelina Jolie, Oprah Winfrey, Sandra Bullock e Johnny Depp, e todos eles são ou estiveram ligados a parceiros heterossexuais.

Mais a popularidade é um atributo que não parece ser um fator importante para ser admirado pelos gays, é o caso da cantora Lady Gaga que tem sua maior base de fãs, formada por homossexuais, e é apontada como uma das menos admiradas pelos gays, Justin Timberlake, Hillary Clinton, Brad Pitt e Channing Tatum são outros que estão entre os menos admirados.

O fator mais curioso mesmo foi o caso do casal Brad Pitt e Angelina Jolie, enquanto a atriz foi escolhida como uma das mais admiradas pelos homossexuais, seu companheiro o ator Brad Pitt foi apontado como um dos menos admirados, mesmo ambos tendo mostrado apoio ao casamento entre pessoas do mesmo sexo, afirmando que só se casariam quando todo mundo tivesse o mesmo direito de faze-lo.

Fonte: Variety

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Angelina Jolie aprova novo cargo de William Hague

A atriz e enviada especial da ONU Angelina Jolie disse nesta terça-feira 15 de julho, que aguarda com expectativa colaborar no futuro com o ex-secretário de Relações Exteriores britânico, William Hague na luta contra a violência sexual em conflitos.

Hague pediu demissão na segunda-feira do cargo de Ministro das Relações Exteriores da Grã-Bretanha e agora vai servir como representante especial do Reino Unido sobre a prevenção da violência sexual em zonas de guerra.

Jolie, que é o enviada especial do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR) e Hague trabalham em conjunto na questão dos estupros em massa e abuso sexual em zonas de guerra desde 2012. Juntos, eles sediaram a primeira cúpula global sobre a questão, que atraiu mais de 1.200 representantes de mais de 120 países para uma conferência de quatro dias em Londres no mês passado.

"Estou muito contente que William Hague tenha sido nomeado representante especial do primeiro-ministro na Prevenção da Violência Sexual em Conflito, e ver a liderança contínua do Reino Unido nessa questão".

"William e eu estamos agora muito focados na próxima fase da nossa campanha. Estaremos pedindo aos países para viver de acordo com as promessas que fizeram na Cúpula de Londres em acabar com a violência sexual em zonas de Conflito, e trabalhar junto com eles nesse esforço, nós dois estamos absolutamente comprometidos com esta causa, é à nossa parceria nessa questão", disse Jolie em um comunicado divulgado pela Fundação Thomson.